Notícias

O MOVIMENTO QUE QUEREMOS: ENSINO MÉDIO EM AÇÃO

Trabalhos formativos para a excelência acadêmica:

Vivenciamos um rico momento de trabalho em grupo, a partir dos diferentes saberes da nossa forte equipe de professores. Esse é um importante trabalho que continuará sendo desenvolvido ao longo deste ano letivo, com o objetivo de potencializar, ainda mais, nossas ações enquanto instituição formadora.

Trabalhos em grupo: O coletivo em ação rumo às aprendizagens.

A participação ativa do aluno é uma importante via para o seu engajamento. A sua ação e o seu movimento para o processo de construção da aula são estratégias para a promoção da aprendizagem significativa. Exemplos dessa abordagem foram as aulas desenvolvidas e mediadas pelas professoras Camila Campos, de Língua Portuguesa, e Amanda Figueiredo, de Biologia.

Os estudantes de 1º Ano do Ensino Médio vivenciaram momentos de reflexão e ampla construção de conhecimento. Instigados pela professora Camila Campos, conhecimentos sobre as Funções da Linguagem foram trabalhados através da construção de mapas conceituais. Os mapas são importantes ferramentas para estimular, do ponto de vista neural, a construção de relações e compreensões entre diferentes conceitos e fenômenos. Trata-se de uma ferramenta que, em um trabalho bem orientado como o desenvolvido pela professora, permite aos estudantes construir seus próprios percursos de aprendizagem, conseguindo articular os conhecimentos de maneira autônoma, criativa e significativa.

Os estudantes do 2º Ano, na aula de Biologia, orientados pela professora Amanda Figueiredo, puderam vivenciar a Botânica a partir de trabalho prático de investigação. Com a manipulação da papoula, planta ornamental da qual se extraem óleos e tinturas, os alunos puderam quebrar a monotonia do estudo da botânica, e trazê-la para o dia a dia, constatando as diferentes estruturas que haviam sido trabalhadas em aulas anteriores, de forma teórica, apenas com imagens. Sobre essa aula, a professora nos conta:

“Foi uma prática que aprendi com a professora Aparecida Fernandes quando eu era professora apenas do laboratório de Ciências no Motivo. E isso é muito importante porque, quando entramos na faculdade, pensamos que vamos aprender tudo e, na verdade, aprendemos no dia a dia, quando encontramos pessoas de bom coração e que te ensinam apenas pelo prazer de ensinar!”.